Antiga top 5 ‘critica’ desportivismo de Federer e Nadal: «Se todos forem assim é uma seca!»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Abril 6, 2022

Roger Federer Rafael Nadal são dois dos tenistas que rapidamente vêm à cabeça quando se fala de exemplos de desportivismo dentro de court. E se lhe dissermos que há quem diga que não é bom se todos forem assim? Ora, é essa a opinião de Anke Huber, antiga número quatro do Mundo, que acredita ser importante haver quem estique um pouco os limites.

“Sempre fui muito emotiva, mas nunca projetei isso no árbitro, só em mim. McEnroe e Connors fizeram com que fosse normal o árbitro ser atacado. Mas depois tivemos a fase de Federer e Nadal, que sempre se portaram bem e com desportivismo. Mas se todos forem assim é uma seca!”, confessou em entrevista à Eurosport.

Ainda assim, Huber não deu hipóteses ao que Alexander Zverev fez em Acapulco. “Não acho que as emoções sejam más, mas têm de ficar dentro de limites. Em Acapulco foi demasiado extremo, ninguém gostou de ver aquilo. Mas aquilo não era a face verdadeira dele. Tinha jogado até às 5 da manhã no dia anterior. É preciso olhar para as circunstâncias. Mas isso não é desculpa”, destacou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.