Alcaraz: «Acompanho os resultados todo o dia e fiquei surpreendido com Rune e Ruud»

Por José Morgado - Setembro 1, 2023
Alcaraz

Carlos Alcaraz passou esta quinta-feira pela sala de conferências de imprensa e não fugiu a nenhum assunto. Desde o seu encontro da segunda ronda diante da Lloyd Harris às muitas surpresas na metade inferior do quadro masculino, onde está Novak Djokovic, o espanhol não deixou nada por responder.

QUEBRA DE INTENSIDADE NO TERCEIRO SET

Joguei muito bem nos dois primeiros sets, mas ele depois melhorou no terceiro e eu necessitei de mais energia. Faltou-me um pouco isso. Os encontros nos Grand Slams podem ser muito longos e não devemos facilitar. Fiquei muito contente por fechar o encontro em três sets, até porque tive break abaixo.

COMO É QUE É JÁ TÃO BOM… TÃO JOVEM

Acredito muito em mim e na minha equipa. Dou 100 por cento todos os dias, mas sem eles não estaria aqui.

SURPREENDIDO COM DERROTAS NA OUTRA METADE DO QUADRO

Eu adoro os Grand Slams e passo o dia a acompanhar os encontros. Não consigo ver todos, mas sigo os resultados. Claro que fiquei surpreendido pelas derrotas do Rune, Ruud e outros jogadores de topo, mas isso não quer dizer que o Djokovic possa baixar a guarda. Espero poder voltar a encontrá-lo numa final aqui.

Apaixonei-me pelo ténis na épica final de Roland Garros 2001 entre Jennifer Capriati e a Kim Clijsters e nunca mais larguei uma modalidade que sempre me pareceu muito especial. O amor pelo jornalismo e pelo ténis foram crescendo lado a lado. Entrei para o Bola Amarela em 2008, ainda antes de ir para a faculdade, e o site nunca mais saiu da minha vida. Trabalhei no Record e desde 2018 pode também ouvir-me a comentar tudo sobre a bolinha amarela na Sport TV. Já tive a honra de fazer a cobertura 'in loco' de três dos quatro Grand Slams (só me falta a Austrália!), do ATP Masters 1000 de Madrid, das Davis Cup Finals, muitas eliminatórias portuguesas na competição e, claro, de 13 (!) edições do Estoril Open. Estou a ficar velho... Email: josemorgado@bolamarela.pt