A reflexão (e o pedido) de Agassi à nova geração: «Respeitem menos o Big Three»

Por Nuno Chaves - Maio 6, 2021
André-Agassi

Quando se fala cada vez mais no dia em que a nova geração se vai impor de vez ao mais alto nível, vale a pena ler estas declarações de Andre Agassi.

O norte-americano, considerado um dos melhores de sempre, deixou uma opinião clara em relação à NextGen“Parece evidente que os jovens estão a conseguir a pouco e pouco ganhar território. O título do Tsitsipas em Monte Carlo é uma prova disso. Creio que os jovens não podem respeitar tanto o Big Three e têm de começar a ganhar Grand Slams até se retirarem. Têm de acelerar o processo, dar um salto qualitativo que lhes permita chegar ao topo mas ainda estamos nesse processo”, admitiu a um podcast da Índia.

Agassi até deu o seu próprio exemplo. “Há que acreditar que é possível e para isso nada melhor que ganhar aos melhores. Lembro-me que me tornei profissional aos 16 anos e com 18 já era top 3 mundial. Não ganhei um Grand Slam até aos 22 anos mas contribuí para que outros jovens melhorassem muito o seu rendimento como o Courier, Sampras ou Chang. Eles foram capazes de ganhar um Major antes de eu. Assim que um mostra que é possível alcançar um objetivo ambicioso, os outros ficam impulsionados”, confessou.

Ainda assim, Agassi só tem elogios a deixar a Novak Djokovic, Rafa NadalRoger Federer“Vimos estes três rapazes a ganhar um total de 58 Grand Slams em 14 anos. É uma loucura. Lutaram entre eles durante muitos anos, partilharam entre eles praticamente todos os títulos”, concluiu.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.