28 minutos e 30 pontos: Nadal gritou depois do tie-break mais longo da carreira

Por Bola Amarela - Janeiro 23, 2022

Rafael Nadal arrancou para os quartos-de-final do Australian Open, mas só depois de muito sofrer num primeiro set verdadeiramente épico frente a Adrian Mannarino. O número 5 do ranking ATP, campeão por uma vez em Melbourne Park, viveu, na verdade, um momento histórico na carreira. É que o tie-break dessa primeira partida foi o mais longo que disputou em toda a carreira.

Foram precisos 28 minutos e 30 pontos para Nadal finalmente ultrapassar Mannarino por 16-14, sendo que o festejo efusivo do espanhol exemplificou bem a importância de sair por cima dessa guerra. Rafa enfrentou set points a 8-7, 12-11, 13-12 (este no serviço do francês) e 14-13, mas salvou-os todos e converteu a sua sétima oportunidade (liderou por 6-4, por exemplo).

E depois de todo o drama de um primeiro set com 1h22, Nadal gastou menos tempo (1h21) para fechar… os dois sets seguintes em conjunto.

Bola Amarela