Zverev não tem dúvidas: «No ano passado o Nadal foi o melhor em terra batida e eu o segundo»

Por Nuno Chaves - Abril 6, 2019
zverev-nadal

Alexander Zverev encara a temporada de terra batida com a consciência de que tem a defender muitos pontos. O jovem alemão defende, entre vários resultados, o título em Madrid, a final em Roma ou os quartos de final em Roland Garros. Exigem-se boas exibições para o número três mundial, ainda assim, em 2019, o talento germânico ainda não praticou o seu melhor ténis.

Zverev parte com ambição para o pó de tijolo e com confiança em repetir os bons resultados do último ano. “Mostrei em Roland Garros que posso jogar um encontro longo, mostrei que posso derrotar grandes jogadores em Grand Slams. Infelizmente no jogo com o Thiem fiquei lesionado, mas durante toda a época de terra batida, senti que era o segundo melhor jogador”, admitiu o tenista de 21 anos.

“Não sei se concordam mas creio que o Rafa era o melhor e eu o segundo. O Thiem é um jogador incrível mas foi frustrante perder para ele em Roland Garros depois de me lesionar. Em relva não joguei ao meu melhor porque não treinei o suficiente, não me sentia recuperado”, disparou Sascha.

Recorde-se que, apesar das boas prestações de Zverev, o único jogador a derrotar Nadal em terra batida nos últimos dois anos foi Dominic Thiem.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.