Wimbledon rende-se ao tie break no quinto set

Por Bola Amarela - 19 Outubro, 2018
wimbledon-1

A tradição já não é o que era em Wimbledon. O conceituado Grand Slam inglês rendeu-se ao tie break no quinto e decisivo set, mas, curiosamente, não de uma forma pouco convencional, já que só vai ser implementado quando o set atingir a igualdade de 12-12, e não aos 6-6, como acontece no Open dos Estados Unidos.

“No nosso ponto de vista, era chegada a hora de introduzir o tie break nos encontros que não terminam durante um período de tempo razoável no quinto set”, explicou o presidente do All England Club, Philip Brook.

O Open da Austrália e Roland Garros, os outros dois torneios do Grand Slam, mantêm o formato em que é preciso a diferença de dois jogos no quinto set para se encontrar o vencedor do encontro.