Tsitsipas após perder para Raonic: «Senti-me estúpido ao responder ao serviço dele»

Por Nuno Chaves - Janeiro 24, 2020
Foto: EPA

Depois das meias-finais alcançadas em 2019, Stefanos Tsitsipas ficou pelo caminho logo na terceira ronda do Open da Austrália, após um desaire com Milos Raonic.

No final, o grego estava, sem surpresas, desiludido e em conferência de imprensa explicou as dificuldades em defrontar o canadiano. “É muito difícil. Ele dispara direitas por todo o court e não sabes muito bem onde ficar exatamente porque ele é muito rápido”, admitiu aos jornalistas.

Seguiram-se as palavras sobre o serviço. “É bom, um dos melhores do circuito. Este jogo relembra-me o que tive com o Kyrgios há umas semanas em Brisbane. Sem se jogar muito pela linha de fundo. Praticamente serviços. Eu senti-me estúpido ao responder ao serviço dele. Senti que estava lento. A minha antecipação não estava lá. Foi um estranho jogo de ténis no geral”, confessou.

Tsitsipas também falou sobre esta eliminação, numa fase tão inicial da competição. “É a vida. Tenho aprendido a lidar com isso. No ano passado não conseguia lidar. Fiquei destruído com a minha derrota na meia-final com o Nadal. Este ano é diferente. Vou continuar. Para o ano vencemos, está tudo bem”, referiu o número seis mundial.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.