Thiem com objetivo bem definido no Rio Open: «Quero ser número três do mundo»

Por Nuno Chaves - Fevereiro 16, 2020
dominic-thiem
Foto: Bruno Alencastro/Bola Amarela

Dominic Thiem é a grande figura do Rio Open e o austríaco chega ao maior torneio de ténis do Brasil com uma motivação extra.

É que caso atinja as meias-finais da competição, ultrapassa na classificação Roger Federer e sobe até ao terceiro lugar do ranking ATP.

Thiem já passou durante este sábado pela sala de conferências de imprensa e confessou que esse cenário é algo que tem em mente. “Quero ser número três do mundo e sei que se ganhar aqui fico mais perto, esse será o meu objetivo nas próximas semanas. Amo jogar no Rio, amo jogar na América do Sul. Vir aqui foi uma decisão fácil de tomar. Sempre que volto a jogar em terra batida é como voltar a jogar a casa”, explicou aos jornalistas.

Thiem, recorde-se, defronta na primeira ronda do ATP 500 do Rio de Janeiro, o brasileiro Felipe Meligeni Rodrigues Alves, jovem de 21 anos que recebeu um wild card para o quadro principal.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.