Sofia Kenin conquista o seu primeiro Grand Slam no Australian Open

Por José Morgado - Fevereiro 1, 2020
Kenin

Sofia Kenin, de 21 anos e (ainda) no 15.º posto do ranking mundial, entrou este sábado para a história do ténis ao estrear-se na galeria de campeãs em torneios de Grand Slam com a conquista da edição de 2020 do Australian Open, em Melbourne.

Numa final equilibrada e de qualidade, a norte-americana derrotou a espanhola Garbiñe Muguruza, antiga número um mundial e detentora de dois títulos de Grand Slam — Roland Garros 2016 e Wimbledon 2017 — por 4-6, 6-2 e 6-2, num encontro em que fez toda a diferença nos momentos importantes, ao aproveitar 5 dos 6 pontos de break de que dispôs. Muguruza? 2… de 12!

Mais sólida, mais dura mentalmente e agarrando-se a todos os pontos — especialmente os importantes — Kenin mostrou um enorme estofo de campeã na sua primeira final em torneios de Grand Slam, fechando uma semana de sonho, que já tinha incluído um triunfo nas meias-finais diante de Ashleigh Barty, número um mundial.

Kenin, a mais jovem campeã do Australian Open desde Maria Sharapova em 2008 (com 20 anos), vai subir do 15.º para o sétimo posto do ranking mundial, ultrapassando Serena Williams no posto de número um dos Estados Unidos. Muguruza, que entrou em Melbourne fora do lote de cabeças-de-série, vai voltar ao top 20 WTA.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.