Soderling: «Federer foi o rival mais incómodo que enfrentei»

Por José Morgado - Dezembro 30, 2020

Robin Soderling, antigo top 5 mundial e finalista de Roland Garros em 2009 e 2010, assumiu esta terça-feira ao ‘The Functionnal Tennis Podcast’ qual o adversário mais complicado que defrontou ao longo da sua carreira, que terminou precocemente devido a uma gravíssima mononucleose.

“Federer era o pior para mim. Lembro-me que abordei muito mal a final de Roland Garros em 2009. Ele tinha muito mais experiência do que eu em situações daquele tipo. Ele esteve muito tranquilo taticamente durante todo o encontro. Ele sempre foi o adversário mais difícil para mim. Foram raras as vezes que me senti confortável num campo de ténis contra ele. O seu jogo muito rápido não era ideal para o meu tipo de ténis, especialmente para a minha direita, onde eu preciso sempre de tempo”, confessou o sueco.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.