Schwartzman: «Vou ter dois sonhos em jogo na final contra o Djokovic»

Por José Morgado - Setembro 20, 2020
schwartzman

Diego Schwartzman vai discutir esta segunda-feira (16 horas portuguesas) a final mais importante da sua carreira, ao defrontar o sérvio Novak Djokovic, número um do Mundo, na final do ATP Masters 1000 de Roma. O argentino de 28 anos voltou a admitir o quão surreal tem sido esta sua semana.

“É de loucos. Andava a jogar mal. Vim a Roma para ganhar alguma confiança para Roland Garros e aqui estou eu. Foi um encontro de loucos, com muitos breaks. Talvez não tenha sido a melhor qualidade, mas estou muito contente porque a vitória é minha”, confessou em declarações após o encontro.

Schwartzman admite que estava a par das contas para o top 10 e sabe o que está em causa diante de Djokovic. “Se ganhar, vou ser top 10. Vou ter dois sonhos tenísticos em jogo na final contra o Djokovic. Ganhar um Masters 1000 e chegar ao top 10. Preciso de descansar. Precisava destes pontos para ser top 10. Estava na minha cabeça o tempo todo. Lutei muito. Não joguei o meu melhor mas lutei muito e estou muito feliz”.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.