Schwartzman arrasa Davidovich e está a uma vitória de ‘voar’ para Londres

Por Tiago Ferraz - Novembro 5, 2020
diego-schwartzman
Photo : Cedric Lecocq / FFT

O tenista argentino Diego Schwartzman está cada vez mais perto de poder marcar presença nas ATP Finals de 2020 depois de eliminar, esta quinta-feira, Alejandro Davidovich-Fokina por 6-1 e 6-1.

O primeiro set começou com muitas dificuldades para Diego Schwartzman, que teve que salvar quatro pontos de break no primeiro jogo, mas depois disso assentou o seu jogo e fez o break logo a seguir (2-0).

Com o break de vantagem, Schwartzman esteve mais sólido, venceu todos os seus jogos de serviço e com mais um break, no sexto jogo, teve serviço na mão para fechar a primeira partida (6-1).

No segundo set, o domínio do argentino foi quase absoluto, uma vez que El Peque conseguiu duas quebras de serviço seguidas, nos primeiro e terceiro jogos, e serviu para fazer o 4-0, ficando a apenas dois jogos da vitória.

Até final, Diego Schwartzman esteve tranquilo e venceu o encontro com parciais de 6-1 e 6-1.

Na próxima ronda, Diego Schwartzman vai jogar os quartos de final de Paris Bercy pela primeira vez na carreira diante de Alex De Minaur ou Daniil Medvedev.

Com este resultado, Diego Schwartzman fica a apenas a uma vitória de um lugar nas ATP Finals de Londres, apurando-se assim caso atinja as meias-finais ou se Pablo Carreno Busta não vencer o torneio na capital francesa. Com este resultado, o canadiano Milos Raonic está fora da corrida para Londres.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.