Sabalenka quer lutar pelo título contra… Azarenka: «Quero muito uma final entre bielorrussas»

Por Nuno Chaves - Janeiro 25, 2023

Aryna Sabalenka não tira o pé do acelerador e já está nas meias-finais do Australian Open, depois de mais uma enorme exibição, mantendo, por isso, a invencibilidade em 2023. A bielorrussa já conquistou um título este ano, em Adelaide, mas o grande objetivo é levantar o troféu em Melbourne, naquele que seria o seu primeiro Grand Slam da carreira.

QUARTA VEZ NAS ‘MEIAS’ DE UM GRAND SLAM

Sinto-me um pouco diferente em relação às experiências anteriores. Creio que perdi essas três semi-finais por muitas coisas mas sobretudo por não estar tranquila dentro do court. Eu estava a exagerar demasiado as coisas, tinha muita vontade de conseguir essas vitórias mas estava a apurar muito as minhas opções. Estava muito nervosa, gritava a toda a hora e fazia esse tipo de coisas. Agora mesmo estou um pouco mais serena em court, creio que isto era o que faltava ao meu jogo. Se mantiver este foco e continuar calma, poderei superar.

DESEJO NUMA FINAL… DE BIELORRUSSAS

Quero muito que aconteça. Sei que a Azarenka fará tudo para que isto aconteça, por isso, também vou fazer todos os possíveis para que isto aconteça. Isso seria fazer história, seria incrível, até seria complicado dar conta do que realmente significa. Honestamente, não sei o que aconteceria, seria algo enorme para o nosso país. Creio que ajudaria outras crianças a entender que podem jogar bem neste desporto, podem a fazer parte do grupo dos melhores.

NÍVEL ATUAL

Não gosto da palavra confiança, no meu caso soa como se fosse uma pretensiosa. O que sinto agora é que acredito mais em mim mesma, essa é a grande diferença. Nos momentos complicados continuo a trabalhar por isso, sei que não será fácil mas tenho pancadas e o meu serviço, esse é o meu foco. Tento ver cada situação com perspetiva, aproveitar cada descanso, manter o pé mesmo quando a minha rival me quebra o serviço. Tento ver cada situação desde cima, jogar relaxada e pensar o que fazer em cada momento.

Sabalenka continua sem perder sets em 2023 e estreia-se no top 4 em Melbourne

 

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.