Russa Pavlyuchenkova de novo contra a guerra: «Tenho medo»

Por José Morgado - Março 2, 2022

Anastasia Pavlyuchenkova, finalista de Roland Garros em 2021 e principal figura do ténis feminino russo na atualidade, mostrou-se novamente muito apreensiva com a guerra na Ucrânia e pediu que tudo se resolva rapidamente.

“Tudo isto está a assustar-me e estou confusa. Só posso denunciá-lo e esperar que muitos outros atletas se posicionem sobre esta questão. Não sou uma política, apenas uma mulher que joga ténis profissionalmente. Quero expressar-me, dar a minha opinião. Não quero violência, queremos paz, amor e que a guerra pare. Tenho medo pelo futuro, também temos de pensar nos nossos filhos. Eu quero que o futuro seja para eles. Não quero ser egoísta e falar sobre a minha carreira, isto não é sobre desporto ou ténis agora, é sobre nosso futuro e as nossas vidas”, confessou em entrevista à CNN.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.