Rui Machado anuncia fim da carreira aos 32 anos

Aos 32 anos, Rui Machado coloca um ponto final na sua carreira de tenista profissional. O ex-número um português convocou uma conferência de imprensa para esta quinta-feira, no antigo bar junto ao mítico Centralito, e anunciou que vai pendurar definitivamente as raquetes.

Machado foi um dos melhores jogadores portugueses de sempre, ao alcançar o 59.º posto do ranking mundial em outubro de 2011 – apenas superado, mais tarde, pelo atual número um nacional João Sousa. Para além disso, o jogador natural de Faro somou 28 participações na Taça Davis, um número que fica na história e só é ultrapassado por João Cunha e Silva, com 30 presenças.

Minado por lesões que afetaram fortemente a sua carreira, Rui Machado jogou profissionalmente pela última vez no torneio future português das Caldas da Rainha, em inícios de maio, tendo abandonado nos oitavos de final devido a uma lesão no cotovelo – posteriormente desistiu do Open de São Domingos, em Benfica, ganho por Fred Gil.

Treinado na última fase da sua carreira pelo técnico André Lopes – ligação que durou quase quatro anos -, Machado dá por concluída a sua carreira com 26 títulos de singulares no bolso, oito dos quais de categoria challenger e 18 de nível future (mais seis de pares). Tem como melhor resultado no circuito principal ATP os quartos de final do Estoril Open em 2010.