Rublev passa Federer, bate recorde de ranking e ainda pode subir mais

Por José Morgado - Abril 17, 2021
rublev-mc

Andrey Rublev, jovem russo de 23 anos que este sábado se qualificou para a sua primeira final da carreira em torneios ATP Masters 1000, em Monte Carlo, assegurou com o triunfo sobre o norueguês Casper Ruud que vai bater o seu recorde pessoal de ranking ATP, subindo pelo menos do oitavo para o sétimo posto, ao ultrapassar o suíço Roger Federer.

Rublev, que é atualmente o número um da ATP Race (pontos somados em 2021) e só não está mais acima no ranking ATP por causa do congelamento dos rankings e da adaptação do  sistema de defesa de pontos, poderá mesmo saltar para o sexto posto em caso de título no Mónaco, sendo que para esse cenário ultrapassaria Alexander Zverev.

O top 5 manter-se-à como está. Mesmo que Tsitsipas vença a final, o grego ficará sempre em quinto, atrás de Novak Djokovic, Daniil Medvedev, Rafael Nadal e Dominic Thiem.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.