Roménia-Portugal, 3-1: João Sousa perde e seleção não vai às Finals de 2022

Por José Morgado - Setembro 19, 2021
sousa-romenia

A seleção portuguesa da Taça Davis foi derrotada este domingo na Roménia por 3-1, num duelo a contar para o Grupo Mundial 1 (uma espécie de segunda divisão) da maior competição de seleções do Mundo, depois de João Sousa, melhor tenista português de todos os tempos, ter perdido o quarto encontro do confronto, que Portugal estava obrigado a ganhar para continuar na luta.

Sousa, número 150 do ranking ATP mas antigo top 30, foi derrotado pelo número um romeno Marius Copil, 250.º da hierarquia mundial mas também ele um antigo membro do top 100 (chegou a ser 56.º), por 6-3, 2-6 e 6-4, numa intensa batalha de quase duas horas. Copil dominou a primeira metade do duelo, mas Sousa pareceu agarrar o ascendente no segundo set e estava por cima no terceiro até ao momento em que foi quebrado, de forma inglória, no sétimo jogo do parcial decisivo.

A seleção nacional fica, assim, arredada do apuramento para a fase de qualificação das Davis Cup Finals de 2022, que terá lugar em março do próximo ano, mantendo-se no Grupo Mundial 1 em 2022.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.