Roddick e o futuro do ténis americano: «O Auger Aliassime devia ter nascido mais a sul»

Por José Morgado - 22 Julho, 2019

Andy Roddick, antigo número um mundial e último campeão de Grand Slam norte-americano em singulares masculinos, ironizou esta segunda-feira quando confrontado com o futuro do ténis no seu país, que até produziu seis campeões de Grand Slam júnior nos últimos anos — Taylor Fritz, Tommy Paul, Reilly Opelka, Noah Rubin, Frances Tiafoe e Sebastian Korda.

No ATP 250 de Atlanta, onde vai jogar um encontro de exibição esta segunda-feira ao final da noite, Roddick fez a sua análise aos jovens americanos de forma… irónica. “Gostava que o Felix Auger Aliassime tivesse nascido 1500 quilómetros mais a sul. Basicamente é isso”, disparou Roddick sobre o miúdo canadiano de 18 anos nascido no Quebéc.

Roddick evitou ainda alongar-se sobre Nick Kyrgios.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.