Rafael Nadal diz ‘basta’ numa carta aberta muito agressiva

Por José Morgado - Dezembro 5, 2019
nadal

Rafael Nadal, número um mundial e rosto principal da sua Academia em Manacor, Espanha, decidiu reagir esta quinta-feira a uma série de acusações de que tem sido alvo, tanto na imprensa como por parte de algum poder político e organizações ambientais, de que tanto ele como a sua Academia têm sido beneficiados e recebido tratamento especial por parte das autoridades. Em causa está a construção da Rafa Nadal Academy em Manacor (e alguma alegada dispensa de alguns impostos e taxas), o facto de esta ter sido feita numa zona ambiental protegida e ainda acusações de que não tem pago o ‘aluguer’ do seu lugar de ‘estacionamento’ no Porto de iates de Porto Cristo, perto da sua localidade.

“Dói-me bastante receber ataques injustificados que têm como objetivo apenas e só manchar o meu nome. Tenho ficado calado em muitas situações, não gosto de entrar em polémicas, mas estou muito desapontado com tudo isto”, disparou numa carta aberta à imprensa local, antes de lembrar que toda a sua vida tem sido feita em Manacor. “Eu poderia ter levado a Academia para outro lugar. Mas esta é a minha terra. É aqui que vivo, treino e tenho toda a minha família e amigos. Manacor e Porto Cristo são tudo para mim. Quiçá há quem não goste da forma como tenho levado o nome desta terra pelo Mundo, mas todos concordarão que me tenho esforçado para fazê-lo da melhor forma”.

Nadal lembrou os dias em que ajudou a combater as cheias de 2018 e como outras cidades lhe ofereceram muito melhores condições para instalar a Academia. “Não é verdade que eu não tenha cumprido as minhas obrigações. Enquando cidadão, tenho de fazê-lo. Investi boa parte do meu património na Academia e fico muito contente por nela trabalharem 300 pessoas, que lutam todo o ano para mantê-la sustentável…”

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.