Problemas de saúde mental de Kyrgios podem livrá-lo de acusações da ex-namorada

Por Bola Amarela - Outubro 4, 2022

Enquanto está a disputar o ATP 500 de Tóquio, Nick Kyrgios viu o caso que coloca a sua ex-namorada contra ele próprio arrancar na Austrália. Numa audiência preliminar à qual Kyrgios não tinha de comparecer, o seu advogado deu a conhecer o plano de ação para contrariar as acusações de violência doméstica de que é alvo e que podem colocá-lo na prisão por dois anos.

Ora, Michael Kukulies-Smith vai solicitar que todas as acusações sejam arquivadas tendo por base os problemas de saúde mental de que Kyrgios sofreu desde 2015. As alegadas agressões aconteceram em dezembro de 2021, mas o advogado espera alcançar este objetivo, sendo que é algo previsto na lei australiana se estas questões forem provadas e documentadas.

Segundo a imprensa australiana, há a alta probabilidade de que este pedido seja aprovado, também porque Kyrgios tornou público mais do que uma vez que sofreu com graves depressões, falando várias vezes nos pensamentos suicidas que teve. Com tudo isto como base, Kyrgios pode ver as acusações serem logo rejeitadas numa audiência prevista para fevereiro de 2023.

Bola Amarela