Os números brutais de Djokovic que fazem de Roma a segunda casa

Por Pedro Gonçalo Pinto - Maio 12, 2022
djokovic

Poucos são os jogadores que podem olhar para um torneio no qual tenham competido 16 vezes e dizer que nunca foram afastados antes dos quartos-de-final. Um deles é Novak Djokovic, que apresenta números estratosféricos no Masters 1000 de Roma, tal como se veio a provar mais uma vez, agora em 2022.

O número um do Mundo já está nos ‘quartos’, depois de levar a melhor sobre Stan Wawrinka, garantindo que estende esse registo impressionante. Em 16 participações, o pior que fez foi ser eliminado nesta fase em 2007 (a primeira participação), 2010 e 2013, enquanto ficou nas ‘meias’ em 2018. De resto, conta com 11 finais, sendo que se sagrou campeão por cinco vezes.

Resta agora saber se vai cumprir o objetivo de chegar às meias-finais para manter a liderança do ranking ATP. Caso fique pelo caminho, o primeiro posto da hierarquia mundial masculina passa para Daniil Medvedev.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.