Orlando Luz e Felipe Meligeni eliminados no challenger de Segóvia

Por Miguel Silva - Julho 31, 2019
luz-meligeni

Orlando Luz e Felipe Meligeni falharam, esta terça-feira, o acesso aos 16 avos e oitavos de final, respetivamente, do challenger de Segóvia, em Espanha.

Orlando Luz perdeu com o tenista espanhol Carlos Boluda-Purkiss, em dois sets, por 6-7(3) e 6-7(9).

O encontro não começou bem para Orlandinho Luz que viu o tenista espanhol chegar ao break, logo no inicio do parcial (2-0), mas teve uma excelente reação para devolver a quebra de serviço de imediato, colocando tudo empatado no quarto jogo (2-2).

Com a recuperação do break, Luz esteve confiante, quebrou novamente o serviço de Carlos Boluda-Purkiss, e serviu para o 4-2.

No décimo jogo, quando servia para vencer a primeira partida, Orlando Luz vacilou, sofreu o break (5-5) e no final dos 12 jogos o encontro estava empatado e teve que ser decidido num tie-break: nesta fase, Orlando Luz sofreu quatro mini-breaks e acabou por perder o set por 6-7(3).

Na segunda partida, ambos os tenistas estiveram muito regulares no serviço o que fez com que, no quarto jogo, o resultado estivesse empatado (2-2) sem nenhum break a registar.

No sexto jogo, Orlando Luz teve dois pontos de break a seu favor e, na segunda oportunidade, acabou por chegar ao 4-2 e fez o 5-2 no jogo de serviço.

Quando tudo parecia encaminhado para a vitória de Orlando Luz na segunda partida, o tenista brasileiro foi quebrado quando servia para a vitória no set (5-4) e Carlos Boluda-Purkiss aproveitou para voltar a igualar o parcial (5-5).

Nos dois jogos que existiram até final, não existiram breaks e o encontro teve que ser resolvido num novo tie-break: na fase decisiva, os dois tenistas sentiram o peso da responsabilidade num “desempate” que contou com 11 (!) mini-breaks e, no final, o espanhol acabou por vencer por 11-9.

Quem também disse adeus ao challenger de Segóvia foi Felipe Meligeni. O brasileiro perdeu com o italiano Matteo Viola por 1-6 e 2-6.

Num encontro em que Felipe Meligeni não esteve inspirado, o tenista italiano cedo tomou conta da partida inicial ao conseguir fazer o primeiro break, no segundo jogo, servindo para o 3-0.

Com vantagem de um break, Matteo Viola teve alguma sorte, mas venceu todos os jogos de serviço, e com nova quebra de serviço, no oitavo jogo, acabou por vencer o primeiro set por 6-2.

No segundo set, Meligeni esteve irreconhecível, sofreu dois breaks consecutivos, e Matteo Viola aproveitou para chegar ao 5-0.

No sexto jogo, Felipe Meligeni conseguiu, finalmente, colocar o seu nome no marcador (1-5), mas o tenista italiano não baixou o nível e garantiu um lugar na próxima ronda do challenger de Segóvia com um 6-1.

Já sabe que pode seguir todos os encontros que desejar, ao pormenor, no live center.

Miguel Silva