Novak Djokovic: «Eu quis desistir do ténis em 2010»

Por Tiago Ferraz - Maio 1, 2020
novak-djokovic

O tenista sérvio e número um mundial Novak Djokovic deu uma entrevista à Sky Sports Italia onde revelou que esteve perto de deixar o ténis em 2010.

“Em 2010, eu perdi com o Melzer nos quartos-de-final do torneio de Roland Garros. Eu chorei depois de ter sido eliminado. Foi um momento negativo, eu queria desistir do ténis porque tudo o que eu via era um cenário muito negro”, revela.

Djokovic revela que, ainda assim, tudo mudou depois dessa derrota:

“Foi uma transformação porque, depois dessa derrota, eu consegui libertar-me. Eu tinha vencido o Australian Open em 2008, era o número três do mundo, mas não estava feliz. Eu sabia que conseguia fazer mais, mas eu perdi os encontros mais importantes frente ao Federer e ao Nadal. A partir desse momento eu consegui libertar-me e comecei a jogar de uma forma mais agressiva. Esse foi o ponto de viragem”, afirmou, citado pelo Tennis World.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.