Nextgen ao ataque: há 10 anos que não chegavam tantos jovens aos ‘quartos’ de um Masters 1000

Por Nuno Chaves - Março 27, 2019
Mar 26, 2019; Miami Gardens, FL, USA; Felix Auger-Aliassime of Canada reacts after winning a point against Nikoloz Basilashvili of Georgia (not pictured) in the fourth round of the Miami Open at Miami Open Tennis Complex. Mandatory Credit: Geoff Burke-USA TODAY Sports – 12418136

Nunca a frase “o futuro é o presente” fez tanto sentido como agora. Este ATP 1000 de Miami está a ser marcado pela afirmação da nova geração. Nos quartos de final da competição estão presentes quatro jogadores com menos de 23 anos – são eles Borna Coric, Félix Auger-Aliassime, Denis Shapovalov e Frances Tiafoe – e a lista pode nem ficar por aqui, já que Daniil Medvedev, de 23 anos, defronta Roger Federer nos oitavos de final da prova.

Para se perceber o quão impressionante é este dado, temos de recuar… até 2009. Nesta temporada foi a última vez que se verificou tal proeza, na altura, no ATP 1000 de Madrid, também chegaram a esta fase da prova quatro jogadores com menos de 23 anos.

O mais curioso é que esses jogares eram nada mais, nada menos que Rafa Nadal, Novak Djokovic, Andy Murray e Juan Martin Del Potro.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.