Nadal: «Toronto e Cincinnati não têm nada a ver com o US Open»

Por José Morgado - Agosto 7, 2018

Rafael Nadal, número um do Mundo, tem a responsabilidade de tentar defender o seu título no US Open durante o próximo mês, em Nova Iorque, mas assegura não se sentir minimamente pressionado com a preparação para essa prova até porque, assegura, os Masters 1000 de Toronto e Cincinnati não são indicadores fiéis.

“Creio que o que vai acontecer nestas duas semanas não tem qualquer influência direta. É claro que os bons resultados ajudam sempre à confiança, mas as condições não têm nada a ver com Flushing Meadows, especialmente no que diz respeito à velocidade dos courts. Há que ir torneio a torneio. No ano passado joguei mal no Canadá e em Cincy e depois fiz um grande US Open”, lembrou o espanhol de 32 anos.

Nadal estreia-se em Toronto na quarta-feira, em sessão noturna, diante do francês Benoit Paire, com quem nunca perdeu sequer um set.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.