Nadal irrita-se a falar da igualdade: «Estou farto de hipocrisia, distorcem o que digo»

Por José Morgado - Maio 7, 2019

MADRID. ESPANHA. Rafael Nadal apareceu esta terça-feira em conferência de imprensa — adiada de segunda-feira devido aos seus problemas de saúde — e irritou-se com os jornalistas quando voltou a ser questionado sobre a igualdade de prize money entre homens e mulheres no ténis mundial. O espanhol de 32 anos não gostou da forma como a sua última resposta sobre o assunto foi noticiada na imprensa e fez questão de dizê-lo.

“Percebo a pergunta, mas estamos a chegar a um ponto em que apenas me fazem este tipo de questões para que haja algum barulho. Estou farto de hipocrisia e tento evitá-la quando abordo este tipo de assuntos, mas vocês jornalistas por vezes têm mais interesse em simplesmente não entender o que eu estou a dizer. Muitas vezes tento responder de maneira correta e vocês distorcem o que eu digo”, disparou o maiorquino.

Nadal fez alusão… à família. “Também tenho uma mãe, uma irmã, que são as pessoas de quem mais gosto no Mundo e é claro que seria perfeito haver igualdade, mas há situações em que há diferenças ao contrário, noutras áreas da vida. Não é por seres homem ou mulher que ganhas mais ou menos. Ganhas mais ou menos dinheiro consoante a qualidade do teu trabalho. Tudo o resto é hipocrisia.”

O espanhol voltou a defender a sua posição no caso Gimelstob e explicou porque se manteve calado até agora. “Não quis falar antes de as coisas ficarem decididas. Sinto que aconteceu o que tinha de acontecer. A situação ficou bem resolvida sem que eu tivesse de colocar mais pressão”.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.