Nadal admite desistir de Wimbledon: «Agora tenho 35 anos. Preciso de ver como recupero»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Junho 12, 2021
foto: EPA

Rafael Nadal ainda está a digerir a rara derrota em Roland Garros, onde caiu nas meias-finais aos pés de Novak Djokovic, numa batalha épica. No entanto, o que surpreendeu foi que o espanhol não garante que irá disputar… Wimbledon, algo que está já a dar muito que falar.

“Veremos o que vem a seguir e qual será o meu próximo evento. Neste sábado estarei em casa com a família e amigos. Vou tentar descansar um pouco tanto física como mentalmente depois de dois meses intensos, de uma temporada de terra batida positiva, embora sem ter alcançado o objetivo final. Depois de lutar todas as semanas por objetivos durante dois meses o corpo sofre uma queda”, começou por adiantar. “Wimbledon é daqui a duas semanas. É diferente de quando eu tinha 25, 26 ou 27 anos. Agora tenho 35. Preciso de ver como é que me recupero antes de decidir se jogo ou não em Wimbledon”, sustentou.

Nadal foi mesmo ao ponto de dizer que não está em condições de dar uma resposta concreta nesta altura. “Agora não sou capaz de tomar uma decisão, porque não tenho o físico nem a disponibilidade mental para pensar duas semanas à frente. Preciso de me dar a mim próprio alguns dias de férias e de tranquilidade”, destacou.

Djokovic faz história, volta a bater Nadal em Roland Garros e está na final

Pedro Gonçalo Pinto