Murray deixa aviso sobre Federer: «Ele é diferente nos Grand Slams…»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Junho 17, 2021

Eliminado por Matteo Berrettini na segunda ronda do ATP 500 de Londres, Andy Murray foi questionado sobre muito mais do que o seu próprio encontro. Um dos temas foi o atual estado de forma de Roger Federer, com as dúvidas sobre se o campeoníssimo suíço terá capacidade para ser competitivo em Wimbledon. Dúvidas que o britânico não partilha na totalidade.

“Não conheço exatamente a situação do Roger, mas pela minha experiência posso dizer que é difícil. Voltar ao circuito e jogar depois de muito tempo fora, tendo em conta o nível que ele teve durante 20 anos, sempre no topo deste desporto, e ver que não jogas da maneiras que queres e como jogavas, é realmente duro. É extremamente frustrante. Mas sei que ele vai trabalhar nisso. Ele é diferente nos Grand Slams. Não é o mesmo a competir noutros torneios”destacou.

Outro tema muito falado nesta quinta-feira foi a desistência de Rafael Nadal tanto de Wimbledon como dos Jogos Olímpicos. “É uma pena para os torneios. Com as bolhas é complicado estar preparado. Alguns jogadores passaram toda a época de terra em bolhas e potencialmente também em Wimbledon e nos Jogos Olímpicos. Mentalmente é difícil para qualquer um. Não sei se tem problemas físicos. Sei que pareceu ter algo no fim do jogo com o Novak”, apontou.

Pedro Gonçalo Pinto