Mouratoglou explica as razões de Berrettini ameaçar Djokovic e Nadal em relva

Por Pedro Gonçalo Pinto - Junho 20, 2022

Matteo Berrettini não demorou tempo nenhum a reforçar o seu estatuto de candidato ao título em Wimbledon, ao conquistar dois títulos consecutivos em relva. O italiano, vice-campeão no All England Club em 2021, levantava dúvidas por ter sido operado à mão direita, mas voltou com tudo, ao vencer em Estugarda e no Queen’s Club.

Mas o que faz Berrettini ser tão perigoso em relva? Patrick Mouratoglou traçou a análise que explica o porquê de o italiano ter um ténis que se adapta de forma tão natural à superfície relvada.

“Tem um estilo de jogo muito poderoso que o torna uma séria ameaça para Djokovic e Nadal. O serviço é potente e preciso, o que permite ganhar muitos pontos grátis em relva. A direita é uma das melhores do circuito e domina facilmente com ela quando serve. Além disso, a sua debilidade noutras superfícies torna-se fortaleza aqui por executar tão bem o slice, obrigando os adversários a levantar a bola e a ficar a jeito para a direita”, analisou o treinador de Simona Halep.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.