Kyrgios volta a perder a cabeça, leva um point penalty decisivo e Opelka está na final em Houston

Por Pedro Gonçalo Pinto - Abril 9, 2022

Mais um dia na vida de Nick Kyrgios. Quando parecia que o australiano estava muito focado dentro de court no ATP 250 de Houston, a verdade é que o número 94 do ranking mundial voltou a ficar manchado por um episódio em que acabou por receber uma penalização num momento decisivo do encontro, um pouco à semelhança do que se passou frente a Jannik Sinner no Masters 1000 de Miami.

Desta feita, Kyrgios foi eliminado por Reilly Opelka nas meias-finais do torneio norte-americano, ao cair com os parciais 6-3 e 7-5. Mas avancemos já para o momento da polémica. Depois de conseguir finalmente quebrar o serviço de Opelka para fazer o 4-4 e ressuscitar no encontro, Kyrgios ficou irritado com uma chamada e, já depois de ter levado um warning, disse o que não devia e levou um point penalty por obscenidade audível quando estava 30-40 a 5-5.

O break foi automático para Opelka e o gigante norte-americano confirmou o triunfo com um jogo em branco logo de seguida, carimbando o acesso à sua primeira final da carreira em torneios do ATP Tour jogados em terra batida: está agora à espera de John Isner ou Cristian Garín. Quanto a Kyrgios, deverá ser o adeus à terra para o resto da temporada, regressando apenas na relva.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.