Kyrgios: «Os melhores do Mundo querem todos ganhar-me»

Por José Morgado - Junho 18, 2019

Nick Kyrgios entra em ação esta terça-feira no ATP 500 do Queen’s Club, em Londres, mas mesmo antes de jogar a sua primeira ronda deu uma conferência de imprensa com várias declarações dignas de notícia. O australiano de 24 anos falou da sua recente entrevista com o jornalista Ben Rothenberg, onde arrasou com Novak Djokovic e criticou Rafael Nadal, e rejeita a ideia de que estes tenistas tenham agora uma motivação extra para derrotá-lo depois das suas declarações.

“Acho que se o Novak me defrontar vai estar motivado para me ganhar finalmente um encontro, coisa que ainda não conseguiu fazer. Os melhores jogadores do Mundo querem ganhar-me, sentem-se sempre motivados para isso e já queriam fazê-lo mesmo antes de eu dizer o que quer que fosse sobre eles. As minhas opiniões sobre eles não vão mudar e a forma como eles olham para mim também não”, disparou o australiano, que não ficou surpreendido com algumas das reações que teve à sua entrevista. “Ser honesto é problemático na nossa sociedade.”

Kyrgios, que praticamente não jogou em terra batida, espera agora reencontrar a forma em relva, onde acredita que pode ser um dos melhores do Mundo. “Se estiver bem posso derrotar todos os melhores jogadores do Mundo em relva. Em 2015 cheguei aos quartos-de-final de Wimbledon com 19 anos e sem treinar…”

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.