Khachanov conquista quinto surreal com 13 breaks e ultrapassa Korda rumo aos ‘quartos’

Por Pedro Gonçalo Pinto - Julho 5, 2021
khachanov

Foi preciso uma dose gigantesca de sofrimento, várias oportunidades desperdiçadas e muito drama, mas Karen Khachanov acabou mesmo por conseguir garantir os primeiros quartos-de-final da carreira em Wimbledon. O russo, número 29 do ranking ATP ultrapassou o talentoso Sebastian Korda (50.º), que viu a sua caminhada igualmente histórica a nível pessoal chegar ao fim com um sabor extremamente agridoce.

Khachanov triunfou com os loucos parciais 3-6, 6-4, 6-3, 5-7 e 10-8, ao cabo de pouco menos de quatro horas, sendo que tudo fica resumido a um quinto set que ameaça ficar na história. Foi verdadeiramente inacreditável, uma vez que houve… 13 (!) quebras de serviço ao longo dessa derradeira partida, com o russo a anular a desvantagem de um break por duas vezes, antes de uma sequência de oito quebras. No meio disso, serviu para fechar a 6-5 e 7-6, mas só conseguiu mesmo a 9-8.

Esta é a segunda vez que Khachanov chega aos ‘quartos’ num torneio do Grand Slam, depois de ter alcançado o top 8 em Roland Garros, em 2019, sendo que irá defrontar Denis Shapovalov. O canadiano está nesta fase também pela segunda vez na vida, depois de superar Roberto Bautista Agut em apenas três sets, com os parciais 6-1, 6-3 e 7-5, à boleia de uns impressionantes 52 winners em pouco mais de duas horas.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.