João Menezes garante «meias» no Canadá com uma recuperação ÉPICA

Por Miguel Silva - Julho 20, 2019
joao-menezes

O brasileiro João Menezes está nas meias-finais do challenger de Gatineau, no Canadá, depois de ter vencido o eslovaco Norbert Gombos por 4-6, 7-5 e 7-5.

O encontro começou mal para o brasileiro, que perdeu o seu serviço, logo no primeiro jogo, e viu o seu adversário chegar ao 2-0.

Com um break de desvantagem, João Menezes nunca desistiu, melhorou a eficácia no serviço e, no oitavo jogo, devolveu a quebra de serviço para deixar tudo empatado (4-4).

Ainda assim, no jogo seguinte, o tenista brasileiro não soube capitalizar o break e sofreu o contra break, deixando Gombos a servir para a vitória no set (6-4).

No segundo set, os dois tenistas estiveram eficazes no serviço o que contribuiu para que, no décimo jogo, o resultado estivesse empatado (5-5), sem que nenhum dos atletas tenha conseguido chegar ao break.

O momento decisivo do segundo parcial apareceu quando João Menezes conseguiu chegar-se à frente, quebrando o serviço do eslovaco, no 12.º jogo, para vencer a segunda partida por 7-5.

Na terceira e decisiva partida, João Menezes começou mal, perdeu o seu serviço, no terceiro jogo (1-2), e o eslovaco aproveitou para chegar ao 3-1.

No sétimo jogo, o destino do encontro parecia traçado, quando João Menezes voltou a ceder o seu ‘saque’ para ficar com uma desvantagem de 2-5, deixando Norbert Gombos a servir para a vitória no encontro com dois breaks à maior.

Foi neste momento que João Menezes “virou” o encontro a seu favor: o tenista brasileiro enfrentou três match points no serviço do eslovaco, salvou todos eles para fazer o 3-5 e, com o seu serviço, “encostou” em Norbert Combos (5-4).

No décimo jogo, com nova oportunidade para concluir o encontro, Norbert Gombos viu João Menezes jogar a um excelente nível para fazer novo break, o segundo consecutivo, deixando tudo empatado (5-5).

João Menezes “respirava” confiança, fechou o seu jogo de serviço em ‘branco’, no 11.º jogo (6-5), e com um terceiro break seguido, garantiu uma vitória fabulosa depois de uma recuperação absolutamente épica, e está nas meias-finais do challenger de Gatineau, no Canadá.

O tenista brasileiro vai jogar o acesso à final com o austríaco Jason Kubler, 10.º cabeça-de-série.

Já sabe que pode seguir todos os encontros que desejar, ao pormenor, com o máximo rigor, no live center.

Miguel Silva