INABALÁVEL! Djokovic toma de assalto a final do Open da Austrália em 83 minutos

Por Bola Amarela - Janeiro 25, 2019

Foi sem dó nem piedade que Novak Djokovic passou por Lucas Pouille, número 31 mundial, para garantir um lugar na final da 107.ª edição do Open da Austrália, e marcar o tão aguardado encontro com Rafael Nadal no duelo do título, este domingo. O número um mundial foi implacável durante a uma hora e 23 minutos de jogo, impondo-se pelos dominadores parciais de 6-0, 6-2 e 6-2.

O sérvio de 31 anos cometeu apenas 5 erros não forçados e alinhou 18 winners, marcando aquele que será o 53.º embate com Nadal, 24.ª final no circuito profissional e oitava em provas do Grand Slam. Djokovic luta pelo sétimo troféu em Melbourne, distanciando-se dos seis conquistados também por Roger Federer e por Roy Emerson.

Djokovic nunca perdeu qualquer final no Open da Austrália, sendo que vai jogar a 24.ª final em provas Major e lutar pelo 15.º título do Grand Slam.

 

 

Bola Amarela