HISTÓRICO. Bob Bryan fez ontem o que só seis homens na história (singulares ou pares) conseguiram

Por admin - 27 Outubro, 2016

Bob Bryan já tem o seu nome na história do ténis pelas mais diversas razões, mas esta quarta-feira aumentou ainda mais esse estatuto ao juntar-se a um lote de verdadeiras lendas vivas. Ao bater, ao lado do seu irmão, os austríacos Dominic Thiem e Dennis Novak rumo aos quartos-de-final do ATP 500 de Viena, Bob tornou-se no sexto jogador da história a vencer 1000 encontros numa das variantes do circuito ATP e apenas o terceira da história a fazê-lo em pares, depois do eterno canadiano Daniel Nestor e… do seu irmão Mike.

Em singulares, só três homens o conseguiram fazer até à data: Jimmy Connors, Ivan Lendl e Roger Federer, que atingiu tal façanha em janeiro de 2015.

O clube dos 1000

  1. Jimmy Connors (singulares), 1256
  2. Roger Federer (singulares), 1080
  3. Ivan Lendl (singulares), 1068
  4. Daniel Nestor (pares), 1033
  5. Mike Bryan (pares), 1014
  6. Bob Bryan (pares), 1000