Haase sobre o dinheiro que a nova Taça Davis paga aos jogadores: «Não estou em posição de recusar»

Por Pedro Almeida - 29 Novembro, 2018

Robin Haase, número 50 do ranking mundial ATP, confessou não gostar do novo formato da Taça Davis, que arranca já no próximo ano, mas admitiu não poder recusar os cerca de 132 mil euros que cada jogador recebe na competição.

“Eles dão a cada jogador cerca de 150 mil dólares [132 mil euros] e não estou em posição de recusar essa quantia. Talvez alguém do top 20, mas eu não”, admitiu o holandês, que já figurou no 33.º posto da classificação ATP, em entrevista ao site holandês ‘Nos’.

Apesar de sublinhar que vai participar, Haase referiu que a ITF copiou as ideias da ATP, não estando satisfeito com o que aí vem. “O processo foi escandaloso. Preocupa-me o facto de eventualmente a Taça Davis se realizar apenas por mais um ou dois anos. E se tudo for uma grande deceção?”, questionou o holandês.

Recorde-se que a ITF e a Kosmos, uma empresa que tem em Gerard Piqué um dos principais investidores, chegaram a um acordo bilionário para 25 anos.

Pedro Almeida