Gonçalo Oliveira volta a uma meia-final mais de um ano depois

Por José Morgado - Julho 15, 2022
FOTO: Sara Falcão

Gonçalo Oliveira, primeiro cabeça-de-série do ITF M25 de Idanha-a-Nova e 384.º colocado do ranking ATP, avançou esta sexta-feira ao início do dia para as meias-finais da competição, as suas primeiras em torneios internacionais desde junho de 2021.

O portuense de 27 anos, que mais logo ainda joga as ‘meias’ de pares ao lado de Valentin de Carvalho, derrotou nos ‘quartos’ o francês Robin Bertrand (587.º ATP), por 6-1 e 6-2, em apenas 64 minutos de encontro.

Nas ‘meias’, aguarda pelo vencedor do encontro entre o compatriota Pedro Araújo e o israelita Ben Patael, que jogam de seguida.

Apaixonei-me pelo ténis na épica final de Roland Garros 2001 entre Jennifer Capriati e a Kim Clijsters e nunca mais larguei uma modalidade que sempre me pareceu muito especial. O amor pelo jornalismo e pelo ténis foram crescendo lado a lado. Entrei para o Bola Amarela em 2008, ainda antes de ir para a faculdade, e o site nunca mais saiu da minha vida. Trabalhei no Record e desde 2018 pode também ouvir-me a comentar tudo sobre a bolinha amarela na Sport TV. Já tive a honra de fazer a cobertura 'in loco' de três dos quatro Grand Slams (só me falta a Austrália!), do ATP Masters 1000 de Madrid, das Davis Cup Finals, muitas eliminatórias portuguesas na competição e, claro, de 13 (!) edições do Estoril Open. Estou a ficar velho... Email: josemorgado@bolamarela.pt