Gonçalo Ferreira soma primeiro ponto ATP aos 17 anos; Cabral, Faria e Prata também vencem

Gonçalo Ferreira, jovem de 17 anos que treina desde muito jovem no Clube de Ténis de Braga, garantiu esta terça-feira o seu primeiro ponto ATP, ao avançar para a segunda ronda do SBA Open, um Future com sede em São Brás de Alportel, mas cujas primeiras rondas estão a ser jogadas um pouco mais a sul, na Vale do Lobo Tennis Academy.

O jovem português, que durante o seu percurso treinou durante oito meses no Centro de Alto Rendimento, no Jamor, derrotou na primeira ronda o seu compatriota Miguel Semedo, 1939 ATP, por 6-4 e 6-2, num encontro resolvido em apenas 1h22, e agora vai medir forças na próxima fase com o argentino Franco Egea, número 641 do ranking mundial.

Outros três jovens, Martim Leote Prata, Luís Faria e Francisco Cabral, alcançaram mais um ponto importante para os respetivos rankings após triunfos em duelos portugueses. Prata (2024.º) derrotou António Pragana (sem ranking), por 6-1 e 6-1; Faria (1351.º) eliminou Afonso Salgado (1724.º), por 6-1, 1-0 e desistência; e Cabral (1053.º) bateu Fábio Coelho (1822.º) por 6-2 e 6-4. José Ricardo Nunes e Gonçalo Falcão foram eliminados.

Ao todo, são sete os portugueses no top 16 do torneio algarvio.