Gastão Elias reagiu a quem o criticou: «Sinto-me importante»

Por José Morgado - 9 Abril, 2019

Gastão Elias, incontestavelmente um dos melhores tenistas portugueses de sempre, tem vivido um último ano difícil, marcado por muitas lesões. Os períodos de paragem levaram a pouco ritmo competitivo e a falta de forma a algumas derrotas menos esperadas, que têm motivado as críticas de alguns ‘heróis da internet’ nas redes sociais.

Eliminado na primeira ronda do Challenger de Barletta, diante de um dos jovens craques do ténis mundial — o italiano Lorenzo Musetti, campeão do Australian Open em juniores e primeiro tenista nascido em 2002 (!) a ganhar encontros no circuito Challenger –, o jogador da Lourinhã utilizou o seu Twitter para deixar uma mensagem. “Sinto-me importante. Há tanta gente preocupada e a comentar a minha carreira”, pode ler-se numa mensagem deixada em inglês.

Antigo top 60, Elias está inscrito na próxima semana no Challenger de Sarasota, não sendo certo que participe tendo em conta a proximidade com o Millennium Estoril Open.

Elias fez uma pré-temporada intensa com o técnico argentino Franco Davin antes do arranque de 2019 e os primeiros meses da época mostraram uma melhoria face ao ano passado, ao atingir as suas primeiras meias-finais num Challenger em quase um ano, em Orlando. O lourinhanense esteve sem competir em março e voltou aos courts esta semana para a tradicional época de terra europeia.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.