Feliciano Lopez vai abandonar o top 100 mundial… praticamente 17 anos depois

Por Nuno Chaves - 24 Abril, 2019

O fim de um ciclo… longo, muito longo. Feliciano Lopez, antigo top 15, vencedor de 6 títulos ATP e uma das grandes referências do ténis espanhol, entrou na sua fase descendente da carreira e na próxima segunda-feira vai regressar a um lugar, no qual já não estava há muito tempo.

Com a derrota na primeira ronda em Barcelona frente a Fernando Verdasco, Lopez vai sair do top 100 mundial, algo que não acontecia desde… junho de 2002, ou seja, 16 anos e meio. Ainda assim, o veterano espanhol de 37 anos tem presença garantida no quadro principal de Roland Garros, uma vez que as listas foram divulgadas na semana passada, altura em que ainda estava no top 100.

Recorde-se que esta semana, Tomas Berdych também saiu da elite dos 100 melhores jogadores do mundo, algo que não acontecia desde janeiro de 2004.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.