Federer: «Há que ir passo a passo. Primeiro tenho de começar a andar normalmente outra vez»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Setembro 26, 2021
Federer

Roger Federer não vai apressar o regresso aos courts depois da terceira operação ao joelho direito. O campeoníssimo suíço atualizou o estado da recuperação de forma mais pormenorizada, deixando antever que deverá ser muito difícil competir no Australian Open, embora se mantenha focado em voltar a competir em 2022.

“Tomámos uma decisão muito complicada porque já tinha sido submetido a um par de cirurgias ao joelho no ano passado. Estava realmente chateado com a forma como as coisas aconteceram em Wimbledon. Estava muito longe do meu melhor nível físico. Fiz tudo o que podia e no fim acaba a acontecer isto. Há que ir passo a passo. Primeiro tenho de começar a andar normalmente outra vez, depois correr, fazer passos laterais, trabalho de agilidade e depois começo a treinar em court”, começou por afirmar na Laver Cup, em conversa com Jim Courier.

Todo esse processo ainda vai demorar bastante, até porque, nesta altura, Federer anda de muletas. “Vai levar alguns meses e depois logo vemos como as coisas estão no próximo ano, mas tenho de demorar o meu tempo. Não quero acelerar tempos nem nada do género. Quero assegurar-me de que posso fazer tudo o que quero e que não há nenhuma pressa. Na verdade, estou num sítio muito bom agora. O pior desta lesão já passou”, garantiu.

Pedro Gonçalo Pinto