Federer deixa mensagem de esperança: «O pior já ficou para trás. É um momento emocionante»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Setembro 20, 2021
Federer

As dúvidas amontoaram-se no momento em que Roger Federer anunciou que ia ser submetido a uma terceira operação ao joelho direito, no espaço de um ano e meio. Rapidamente surgiram as conversas sobre se era o fim da linha para o campeoníssimo suíço que, aos 40 anos, não quer deixar de lutar. A recuperação já está a decorrer e o 20 vezes campeão de torneios do Grand Slam deixou uma mensagem de esperança.

“O pior já ficou para trás. Estou com muita vontade de que chegue tudo o que está para vir. Quando se volta de uma lesão, sentes-te melhor a cada dia. É um momento emocionante”, afirmou, em entrevista ao portal SRF.

Federer reconhece que será preciso um esforço hercúleo para voltar ao circuito ATP, mas o helvético garantiu que tudo vai fazer para voltar a competir ao mais alto nível e até destacou a vontade de disputar a Laver Cup em 2022. “Será todo um desafio regressar ao circuito. Quero voltar aos treinos físicos e ao court o quanto antes, mas isso ainda requer um pouco de paciência. Quando começar com tudo isso de novo, vão ser três dias muito duros”, acrescentou.

Pedro Gonçalo Pinto