Federer após derrota em Madrid: «Perder um encontro após ter match-points é o pior»

Por Luísa Palmeira - Maio 10, 2019

MADRID, Espanha. Foi o regresso a terra batida após três anos de interregno, mas apesar do delírio do publico em Madrid (e no resto do mundo), Roger Federer não gostou da forma como acabou por sair de cena nos quartos-de-final do Mutua Madrid Open.

“Sinto-me suado e o resto não interessa. Tem sido uma boa semana, mas frustrante. Perder um encontro após ter match-points é o pior, por isso é assim que me sinto”, foi a imediata análise ao encontro do antigo número um mundial, após desperdiçar dois match-points no segundo set frente a Thiem.

No entanto, nem tudo é mau:Sinto-me muito bem com o meu jogo. Acho que tive bons encontros aqui, especialmente os últimos dois. O primeiro foi bom para entrar no ritmo. Mas claro, o Gael [Monfils] e o Dominic [Thiem] são adversários duros em terra batida, por isso foram boas batalhas. Sinto-me bem em terra neste momento.”

Apesar das boas sensações, o suíço ainda não sabe se vai disputar na próxima semana o Masters 1000 de Roma, torneio que antecede Roland Garros.

Luísa Palmeira