Federação quer melhores tenistas nacionais a jogar circuito com prize-money

Por Tiago Ferraz - Maio 27, 2020
Vasco-Costa

O ténis está de regresso à atividade em Portugal e é, sem surpresa, que a Federação Portuguesa da modalidade quer começar a ‘reentrar’ nos eixos.

Vasco Costa, presidente da Federação Portuguesa de Ténis, deu uma entrevista à Sport TV onde aborda o plano traçado para o regresso da ‘bola amarela’:

“Uma das medidas de apoio do plano que traçamos foi apoiar os jogadores internacionais com torneios em Portugal para que possam competir e preparar o seu recomeço na atividade internacional e temos os melhores jogadores nacionais a jogar não só três torneios com prémios monetários como também, inclusivamente, antecipar o campeonato nacional…Esperamos ter um campeonato nacional com todos os melhores jogadores portugueses: é esse o nosso grande objetivo e tudo faremos para o conseguir”, disse à Sport TV.

Rui Machado, antigo tenista e atual coordenador técnico nacional, também falou da aposta da Federação:

 “A intenção é mesmo essa, é mesmo que os melhores tenham a oportunidade de competir antes da retoma do circuito nacional para que possam, assim, ganhar ritmo competitivo. Nós estivemos reunidos com os melhores e todos acharam a ideia muito boa e eu penso que vão todos aderir”, ressalvou à Sport TV.

Vasco Costa falou ainda da questão da retoma da atividade a nível amador e disse mesmo a adesão que o ténis tem tido supera as expetativas:

“O fim de semana passado foi, realmente, um recorde em termos de alugueres de campos, este fim de semana também já temos, praticamente, o complexo cheio durante sábado e domingo e isso é sinal que as pessoas têm confiança na campanha que nós fizemos”, afirmou.

 

 

 

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.