Empresário conta como Sharapova mudou depois da suspensão por doping

Max Eisenbud, o empresário de Maria Sharapova que esteve diretamente ligado ao facto de a russa ter acusado positivo num controlo antidoping em 2016, confessou em entrevista que a paragem de 15 meses a que a russa se teve de submeter, devido a uma suspensão. O norte-americano lembra que a ex-número 1 mundial teve de repensar muitas coisas na sua vida.

“Não vou dizer que lhe fez bem, mas a verdade é que ela aproveitou muito bem o seu tempo e fez crescer a sua marca. Isso ajudou-a a ultrapassar toda a turbulência daquele furacão. Outra celebridade do seu nível não conseguiria fazer o que ela fez”, assegurou Eisenbud, que trabalha para a IMG.

Max assegura que a russa de (agora) 31 anos trabalhou mais duro do que nunca. “Ela tentou oferecer mais coisas à sua marca Sugarpova. Mantivemo-nos em contacto com os nossos clientes e com as marcas que trabalham connosco. É sempre muito importante manter essa curta distância”.

 

  • Categorias:
  • WTA