Djokovic não poderá ir à Austrália nos próximos três anos

Por José Morgado - Janeiro 16, 2022
djokovic-ausopen

Novak Djokovic, número um do Mundo e maior campeão masculino da história do Australian Open, com nove títulos, está a viver os piores momentos da carreira, depois de ter recebido ordem de expulsão da Austrália na sequência de uma verdadeira telenovela que acabou no cancelamento definitivo do seu visto.

Para além de não poder participar nesta edição do Happy Slam, Novak Djokovic também já sabe que não poderá jogar as próximas duas, uma vez que o cancelamento do visto significa que não terá autorização para voltar ao país nos próximos três anos. Oficialmente, Djokovic só poderá reentrar em solo australiano em janeiro… de 2025.

As autoridades locais têm o poder de abrir uma exceção para o sérvio, mas tendo em conta tudo aquilo que se passou este ano, tal cenário é altamente improvável.

Djokovic terá 37 anos em 2025, pelo que até é possível que nunca mais o vejamos a competir nos courts em que dominou tudo e todos durante mais de uma década.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.