Djokovic mantém paixão intacta: «Continuo motivado e ainda fico lixado quando perco»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Fevereiro 25, 2022

Novak Djokovic sofreu um duro e surpreendente golpe, ao perder com Jiri Vesely nos quartos-de-final do ATP 500 do Dubai. Desta forma, o primeiro torneio da temporada do ainda número um do Mundo terminou sem brilho e acabou por redundar na perda desse estatuto na próxima segunda-feira para Daniil Medvedev. Por tudo isto, será que Djokovic está com menos vontade de jogar ténis? Nada disso. Palavra do próprio.

“O meu objetivo é continuar. É o grande objetivo, enquanto eu sentir que devo mesmo fazê-lo e enquanto conseguir jogar. Enquanto o meu corpo deixar e as circunstâncias na minha vida também, com apoio das pessoas que estão à minha volta. Continuo motivado e ainda fixo lixado quando perco. Eu quero saber, preocupo-me”, garantiu na sequência dessa derrota com Vesely.

Djokovic confessa que a chama está acesa e a paixão intacta. “Preocupo-me em ganhar cada encontro, tal como cada pessoa no circuito, independentemente da idade. Até fico contente por estar a sentir tantas emoções num só dia porque quer dizer que quero mesmo fazer parte deste desporto e do circuito”, rematou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.