Djokovic joga muito, bate Nadal e iguala final da ATP Cup

Por José Morgado - Janeiro 12, 2020
djokovic

Novak Djokovic, número dois do ranking mundial, igualou este domingo (1-1) a final da ATP Cup entre a Sérvia e a Espanha, que está a decorrer em Sydney, na Austrália, ao derrotar o líder da classificação ATP, Rafael Nadal, no segundo encontro de singulares do duelo que decide o título da prova.

O sérvio de 32 anos fez uma exibição a roçar a perfeição para derrotar o espanhol de 33 por 6-2 e 7-6(4), num encontro que teve, apesar de tudo, duas faces, com um primeiro set de sentido único — perdeu apenas três pontos no serviço — e um segundo que se tornou numa batalha titânica de mais de uma hora, com chances para ambos os tenistas.

A vitória de Djokovic sobre Nadal em Sydney é a nona seguida em piso rápido para o sérvio diante do maiorquino e os dois sets que venceu foram os 18.º e 19.º consecutivos nesta superfície. O último set que Nadal ganhou a Djokovic em piso rápido foi o último da final do US Open… em 2013. Vai fazer sete anos.

Recorde-se que Roberto Bautista Agut havia dado a vantagem à Espanha no primeiro encontro, pelo que tudo será desempatado no duelo de pares, com Rafa Nadal/Pablo Carreño a defrontarem Novak Djokovic e Viktor Troicki.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.