Djokovic: «Federer e Nadal continuam a ser os jogadores de maior sucesso da história»

Por Nuno Chaves - 7 Junho, 2019

Novak Djokovic continua calmo e tranquilo na sua prestação em Roland Garros. O número um mundial despachou esta quinta-feira o alemão Alexander Zverev e, com isso, as meias-finais do Grand Slam parisiense são compostas… pelos quatro melhores jogadores do mundo.

Este é um dado que deixa Djokovic satisfeito. “Isto diz muito bem da qualidade do torneio e da qualidade dos quatro principais cabeças de série. Creio que é algo muito positivo ter os quatro melhores a competir nas meias-finais, ajuda a aumentar as rivalidades e a gerar mais expetativa neste tipo de jogos”, afirmou em conferência de imprensa.

Djokovic enfrenta Dominic Thiem. Será que o sérvio considera o austríaco o novo Andy Murray“É difícil responder a essa pergunta. Estamos numa época muito diferente de há cinco anos, somos todos um pouco mais velhos. O importante é que continuamos a desfrutar e a competir nas grandes provas”, referiu o tenista de Belgrado.

“O Roger e o Rafa continuam a ser os jogadores de maior êxito da história do ténis, por isso, estar com eles é uma sensação de grande satisfação”, garantiu Djokovic.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.