Carreño desiludido por falhar na Davis: «Houve momentos em que me senti impotente»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Novembro 24, 2022
carreno

Pablo Carreño Busta assumiu o posto de número um na seleção espanhola perante a ausência de Carlos Alcaraz Rafael Nadal, mas acabou por falhar na hora da verdade. Carreño cedeu no seu encontro com Marin Cilic, o qual era obrigado a vencer para evitar o adeus nos ‘quartos’ das Davis Cup Finals em Málaga, algo que o deixou naturalmente desiludido.

“É difícil sair contente de um encontro assim. A equipa perdeu e isso é o mais importante. Numa superfície rápida indoor contra alguém como Cilic era muito complicado. A única coisa a meu favor era o público e acho que usei isso bem. O Marin esteve muito certeiro nos momentos decisivos, houve momentos em que me senti impotente. Estou triste por não ter podido levar a eliminatória para o par”, confessou.

Cilic vence batalha incrível de mais de três horas com Carreño e coloca Croácia nas ‘meias’ da Davis

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.